Palmeiras cai contra Barcelona nos penais e vê sonho acabar nas oitavas

Verdão perdeu na cobrança de pênaltis (Foto: AFP)

Pela segunda temporada consecutiva, o sonho do Palmeiras na Copa Libertadores durou pouco. Na noite desta quarta-feira, diante de mais de 38 mil torcedores no Estádio Palestra Itália, o Barcelona de Guaiaquil perdeu por 1 a 0 no tempo normal, mas ganhou por 5 a 4 nos pênaltis e eliminou o time brasileiro nas oitavas de final.

 

Com o sonho de conquistar o bicampeonato da Libertadores e participar do Mundial, o Palmeiras investiu pesado e contratou 14 reforços. Ainda assim, disputou apenas oito partidas pelo torneio. Na semifinal do Campeonato Paulista, caiu para a modesta Ponte Preta e, nas quartas da Copa do Brasil, deu adeus contra o Cruzeiro.

 

A 15 pontos do líder Corinthians no Campeonato Brasileiro, o Palmeiras tem como meta encerrar o torneio na zona de classificação à Copa Libertadores de 2018. Pela 20ª rodada do torneio nacional, às 16 horas deste domingo, o time comandado pelo técnico Cuca entra em campo para enfrentar o Vasco, no Raulino de Oliveira.

 

O Jogo 

 

Saudado por sua torcida com um mosaico gigante, o Palmeiras tratou de tomar a iniciativa desde o começo, mas não conseguiu dar muito trabalho ao goleiro Banguera durante o primeiro tempo. Dudu, em cobrança de falta, e Deyverson, em uma cabeçada, levaram algum perigo.

 

Com a vantagem do empate, o Barcelona procurou ganhar tempo em cada bola parada, de cobranças de escanteio a tiros de meta. Na melhor chance do time visitante durante a etapa inicial, Castillo foi lançado pela direita e Jailson ficou no meio do caminho. O equatoriano cruzou e Caicedo, do lado oposto, mandou para fora.

 

Antes mesmos dos 40 minutos do primeiro tempo, parte da torcida chegou a pedir a entrada do meio-campista Moisés. Quem entrou, porém, foi o zagueiro Edu Dracena, já que o colombiano Yerry Mina precisou deixar a partida de maneira precoce por lesão.


Fonte: Gazeta Esportiva

Recomende nosso site

Ouça ao Vivo