Chapecoense vence Santos e se afasta mais do Z-4 do Brasileirão

Wellington Paulista comemora gol (Foto: Globo Esporte)

A Chapecoense venceu o Santos por 2 a 0 na noite desta segunda-feira, na Arena Condá, e se afastou um pouco mais o risco de rebaixamento no Campeonato Brasileiro.

 

Já o adversário, faltando agora quatro rodadas, continua no grupo que se classifica diretamente para a Libertadores, mas ainda não com a vaga garantida.

 

O Santos ficou com cinco pontos a mais que o Botafogo, o time que mais ameaça a sua posição no G-4 – o Cruzeiro está mais perto, mas, como campeão da Copa do Brasil, não tiraria do Peixe a vaga direta à Libertadores.

 

A Chapecoense terminou a 34ª rodada com oito pontos a mais que o Sport, o primeiro integrante do Z-4. Ainda não escapou definitivamente, mas está bem perto disso, faltando quatro rodadas.

Aos 11 minutos do primeiro tempo, Luiz Antonio lançou a bola na área, que bateu na mão de Lucas Veríssimo antes de chegar a Arthur.

 

Aos 12, Wellington Paulista deslocou Vanderlei e fez o primeiro gol em Chapecó – foi o terceiro gol de pênalti nos últimos três jogos.

 

Aos 21 do segundo tempo, Arthur aproveitou cruzamento de Wellington Paulista e tocou a bola para o fundo da rede santista.

 

A Chapecoense entrou com vontade de ganhar. Ela aproveitou o começo ruim do Santos para ir ao ataque e criar mais chances que os visitantes. Essas oportunidades geraram o primeiro gol, de pênalti. No segundo, o Verdão não recuou e continuou a ir para cima. O resultado? Segundo gol dos mandantes.

 

O Santos entrou apático contra a Chapecoense. Um time totalmente sem ambição no primeiro tempo deu espaço para que o time mandante criasse mais chances, ocasionando no gol. No segundo, ainda sem criação, Elano tirou Lucas Lima, mas o Peixe não se encontrou. Resultado? O segundo gol da Chape.

 

Público: 11.301 torcedores
Renda: R$ 272.030,00


Fonte: Globo Esporte

Recomende nosso site

Ouça ao Vivo